»

Monografias Prontas

• No Caminho Para o Sucesso, Um Estágio Pipoqueiro

Fonte: Tempestade

O alto índice de desemprego no Brasil preocupa os jovens que almejam entrar no mercado de trabalho. Apesar da difícil situação do país, muitos universitários vencem a concorrência e iniciam a vida profissional quando ainda estão na faculdade, como Marcel Nomoto, aluno de administração de empresas da PUC/SP.

Aos 21 anos, quando estava no terceiro ano da faculdade, Nomoto não possuía experiência em sua área. Tinha passado por alguns processos de seleção, mas sem sucesso. Até que conseguiu um estágio no escritório central da rede de cinemas Cinemark. "Um amigo trabalhava lá e me informou quando abriram novas vagas. Participei das entrevistas e passei em maio de 2002", relata.

"Logo que fui contratado, nem cheguei a trabalhar no setor administrativo. Fui direto para as salas de projeção fazer um treinamento de cinco semanas, em que trabalhei em todas as áreas, desde as mais operacionais até os cargos de gerência", conta Nomoto, que aprovou a oportunidade de ser bilheteiro e pipoqueiro por alguns dias.

"Foi muito bom, porque aprendi como funciona o cinema inteiro. Depois do treinamento, quando fiquei definitivamente no escritório, aquela experiência me ajudou muito a entender os problemas que apareciam e tomar as decisões mais sensatas".

Após um ano de trabalho na área de operações, Nomoto não se acomodou e resolveu mudar de emprego, foi buscar novos ideais. "Eu gostava da função, mas sempre pensei em trabalhar com recursos humanos e parti atrás de meu sonho. Como abriram vagas na Aventis Pharma para estágios em RH, resolvi arriscar, ainda mais porque era uma grande multinacional", diz o aluno da PUC.

Para Nomoto, valeu a pena correr o risco, pois novamente ele conseguiu a vaga desejada. Agora, a meta é continuar na empresa. "A possibilidade de efetivação sempre existe, mas não é certa", diz.

Ele reconhece que é complicado conciliar o trabalho com a faculdade, porém, não se arrepende. "Depois de trabalhar oito horas e ficar uma hora no trânsito, encarar quatro horas de aula não é fácil. Só que é bom começar a pagar as próprias contas e dar os primeiros passos na profissão".

Prestes a se formar, Nomoto dá alguns recados àqueles que ainda não entraram no mercado de trabalho. "Nas entrevistas, fuja das respostas triviais. Mostre ser diferenciado. Seja honesto e sincero, afinal, o entrevistador sabe o que está procurando", recomenda.


ATENDIMENTO NINJA
24 HS X 7 DIAS

Capitais e Regiões Metropolinas (Brasil)
4003-3538

Demais Regiões do Brasil
0800-878-3071

Portugal +351-308-809-562

Celular 24hs e WhatsApp
Oi: +55 (11) 96128-5906
Tim: +55 (11) 97803-4071
Vivo: +55 (11) 99739-8856
Claro: +55 (11) 99344-9639
Nextel: +55 (11) 94737-9174
ID: 121*23939

Email: escrevendo@globo.com
Fale Via Skype Clique Aqui